Bryan Cranston Quer Reviver Walter White em “Better Call Saul”

This image released by AMC shows Bryan Cranston as Walter White, left, and Aaron Paul as Jesse Pinkman in a scene from "Breaking Bad." he program was nominated for an Emmy Award for outstanding drama series on, Thursday July 18, 2013. Paul was nominated for best supporting actor in a drama series and Cranston was nominated for best actor in a drama series. The Academy of Television Arts & Sciences' Emmy ceremony will be hosted by Neil Patrick Harris. It will air Sept. 22 on CBS. (AP Photo/AMC, Frank Ockenfels )

Traduzido do site Goliath.com, artigo de 29/06/2016

DEVON TAYLOR | 29 de junho de 2016

Better Call Saul tem tido um grande complemento ao universo televisivo de Breaking Bad. A série nos permitiu ver como alguns dos nossos personagens favoritos se tornaram aqueles sujeitos da obra-prima original que envolve o mundo da metanfetamina, do criador Vince Gilligan. Vemos o astuto advogado Saul Goodman lutando como um empreendedor que busca incessantemente o sucesso e que toma suas ações sem muita atenção à ética jurídica. Vemos o durão de aluguel, Mike Ehrmantraut, trabalhando como um simples atendente de estacionamento, mas ele logo percebe que suas despesas são muito maiores do que o seu baixo salário, levando-o a procurar um pouco de trabalho como freelancer, e que acabará o levando a trabalhar para Gus Frings.

Claro, a grande ausência no universo Better Call Saul (até agora, digamos assim) são os dois personagens mais notáveis de Breaking Bad – Jesse Pinkman e Walter White. Uma vez que a nova série é na verdade uma prequência (lapso temporal anterior a Breaking Bad), quaisquer participações de Aaron Paul ou Bryan Cranston iriam apresentar o jeito de ser de seus personagens antes de se tornarem chefões globais da metanfetamina. Pinkman provavelmente seria um fracassado punk do ensino médio, enquanto White seria um humilde professor de química, tentando sustentar sua jovem família.

Durante a recente participação no programa The Rich Eisen Show, Cranston admitiu que gostaria de aparecer em Better Call Saul, de alguma forma, mas somente se ele acrescentasse algo para a história da série.

“Devo tanto a Vince Gilligan. Ele foi o meu campeão para obter esse papel. Eu era o cara saindo de Malcolm in the Middle. “, Disse Cranston. “‘Se eles me chamarem e dizerem:’ Nós temos essa ideia, nós gostaríamos … ‘, eu diria,’ Sim, você não precisa terminar a frase. Eu estarei lá, o que quer que eu faça? “

“Eu sei o quão cuidadosos eles são e zelosos com com esses personagens e essas histórias, e isso não seria algo, ‘Oh, não é aquele tipo de jogada para escalar elenco, esse tipo de coisa.” Seria algo do tipo único e obscuro e criativo, e eu estou totalmente dentro”.

Cranston também revelou que foi convidado para dirigir um episódio de Better Call Saul, mas está relutante em fazê-lo porque ele tem medo de spoilers.

“Eu sou um fã da série e, para dirigir, eu preciso saber o que nenhum fã sabe … e há uma parte de mim que diz que seria tipo como matar a série, para mim, como um fã, espiando por trás da cortina, por isso eu não sei se farei ou não.”

Olha como são as coisas. Cranston está recusando  uma oferta de emprego porque ele não qualquer nenhuma surpresa arruinada. Isso é dedicação.

Segue abaixo entrevista (em inglês, sem legenda):

Publicado originalmente no limboreverso.blogspot.com, do mesmo autor e tradutor