Sony encerra o PlayStation Now na maioria dos dispositivos – Serviço ainda não está disponível no Brasil

O PlayStation Now, serviço de streaming de jogos da Sony parecido com a Netflix (que ainda não está disponível para os brasileiros), deixara de funcionar para a maioria dos dispositivos atualmente suportados, conforme a Sony anunciou ontem.

Como descrito no comunicado de imprensa oficial da Sony, o serviço PlayStation Now deixará de existir para as TV’s Sony Bravia 2016 em 1 de abril de 2017. Em 15 de agosto de 2017, o PS Now fechará suas portas na PlayStation 3, PlayStation TV, Vita, players de Blu-Ray da Sony, e televisores Samsung. O PlayStation Now continuará a ser executado nos consoles PlayStation 4 e PCs Windows sem previsão de encerramento.

Mais informações sobre PS4.

Na nota oficial, Brian Dunn, gerente de marketing sênior da Sony Interactive, disse: “Depois de uma profunda consideração, decidimos mudar nosso foco e recursos para  o PS4 e Windows PC de modo a desenvolver e melhorar a experiência do usuário nesses dois dispositivos”. O PlayStation Now salva arquivos armazenados nos servidores da Sony que podem ser baixados tanto no PCs quanto nos consoles PS4, caso os assinantes atuais desejem continuar jogando seus jogos de PS Now em outras plataformas.

O anúncio oficial não menciona se os assinantes receberão reembolso nos casos em que pagaram antecipadamente pelo serviço em um dos dispositivos afetados pela mensagem, embora Dunn avise que os usuários devam prestar atenção às renovações automáticas de assinatura. O acesso ilimitado à biblioteca completa da PlayStation Now custa US $ 19,99 por mês ou US $ 44,99 por três meses. Os jogos também podem ser alugados individualmente em opções de quatro horas, sete dias e um a três meses.

O PlayStation Now foi lançado em janeiro de 2015 e oferece aos assinantes acesso a mais de 450 jogos da PlayStation 3. Em vez de baixar esses jogos diretamente para dispositivos, os usuários jogam games do PlayStation Now oferecidos através do sistema de streaming a partir de um servidor central, o que significa que a qualidade da jogabilidade dependerá também de sua conexão local com a Internet.

Apesar destes contratempos, o PlayStation Now continua a ser uma das características que poderiam dar ao PS4 uma vantagem sobre o seu concorrente principal, o Xbox One, a longo prazo – apesar de ter tido um lançamento cheio de problemas, as revisões mais recentes têm sido bastante positivas, desde que não seja muito rigoroso no que se refere a gráficos HD e não se importa com ocasionais “gaguejos” ou “soluços” visuais, ou seja, o serviço ainda não está no mesmo nível de rodar um game digital ou físico.

Fonte: Traduzido do site Looper.com