Dois jogadores de No Man´s Sky planejaram com sucesso um encontro de personagens, mas, aparentemente, não puderam se ver.

O que era antes considerado equivalente a procurar agulha em um palheiro galático, tal encontro aparentemente aconteceu.

* traduzido do site PCGamer

Por Tom Marks

6EDG49Wu28ACPr7YBXFSG-650-80

Apesar de Sean Murray, fundador da Hello Games (desenvolvedora do jogo) ter dito ontem que “as chances de dois jogadores se cruzarem em um universo tão grande como esse é praticamente zero”, dois jogadores conseguiram cruzar caminhos no jogo No Man´s Sky – aquele com estilo sandbox (com grande liberdade para os jogadores) gerado processualmente em estúdio. Ou melhor, quase conseguiram.

Um dos jogadores, TheGalacticCactus, escreveu no Reddit que ele não podiam ver totalmente o seu novo amigo interestelar, mesmo depois de conseguir ficar em pé, aparentemente no mesmo lugar do outro jogador, na superfície de um planeta.

Não está claro se esta questão é uma anomalia por ter acontecido nos primeiros dias de lançamento do game, ou se realmente não existe a possibilidade de se deparar com outros jogadores em tempo real em No Man´s Sky. Espectadores dos dois jogadores, que estavam assistindo a tentativa na transmissão ao vivo, perceberam que um dos jogadores não estava conectado à PlayStation Network. No entanto, os dois jogadores estavam simultaneamente on-line, falando através de VoIP, e transmitindo o jogo por Twitch (recurso do PS4). Um não podia ver o personagem do outro jogador ou as alterações feitas pelo outro na paisagem ao seu redor.

Se realmente não for possível o contato em tempo real entre jogadores de No Man´s Sky, seria totalmente contraditório em relação a uma entrevista que Murray fez ao canal Game Informer  em dezembro de 2014, quando afirmou que “você pode ver outros personagens, e eles podem te ver”. Mais recentemente, Murray foi abrupto em esclarecer que No Man´s Sky “não é um jogo multiplayer”, e que as pessoas não devem jogar ele esperando esse tipo de experiência.

A base da Hello Games no Reino Unido ainda não fez nenhuma declaração sobre esta aparente contradição, mas imagino que tem muita coisa acontecendo no estúdio nesse momento. Murray também twittou hoje com indicações de que a quantidade de pessoas que está atualmente jogando No Man´s Sky pode estar sobrecarregando seus servidores. O jogo não precisa estar online para rodar, então não iria afetar a jogabilidade regular, mas poderia potencialmente afetar recursos de rede sem os jogadores perceberem. É apenas especulação, mas há uma chance de que esses problemas implícitos de servidor sejam o motivo para não ter sido possível que estes dois jogadores vissem um ao outro.

Publicaremos aqui quando tivermos alguma atualização desse assunto sobre a possibilidade de encontrar outros jogadores em No Man´s Sky, e vamos também observar a versão de PC que foi lançada na sexta feira, 12/08/16.

Apesar de Sean Murray, fundador da Hello Games (desenvolvedora do jogo) ter dito ontem que “as chances de dois jogadores se cruzarem em um universo tão grande como esse é praticamente zero”, dois jogadores conseguiram cruzar caminhos no jogo No Man´s Sky –  aquele  com estilo sandbox (com grande liberdade para os jogadores) gerado processualmente em estúdio. Ou melhor, quase conseguiram.

Um dos jogadores, TheGalacticCactus, escreveu no Reddit que ele não podiam ver totalmente o seu novo amigo interestelar, mesmo depois de conseguir ficar em pé, aparentemente no mesmo lugar do outro jogador, na superfície de um planeta.

Não está claro se esta questão é uma anomalia por ter acontecido nos primeiros dias de lançamento do game, ou se realmente não existe a possibilidade de se deparar com outros jogadores em tempo real em No Man´s Sky. Espectadores dos dois jogadores, que estavam assistindo a tentativa na transmissão ao vivo, perceberam que um dos jogadores não estava conectado à PlayStation Network. No entanto, os dois jogadores estavam simultaneamente on-line, falando através de VoIP, e transmitindo o jogo por Twitch (recurso do PS4). Um não podia ver o personagem do outro jogador ou as alterações feitas pelo outro na paisagem ao seu redor.

Se realmente não for possível o contato em tempo real entre jogadores de No Man´s Sky, seria totalmente contraditório em relação a uma entrevista que Murray fez ao canal Game Informer  em dezembro de 2014, quando afirmou que “você pode ver outros personagens, e eles podem te ver”. Mais recentemente, Murray foi abrupto em esclarecer que No Man´s Sky “não é um jogo multiplayer”, e que as pessoas não devem jogar ele esperando esse tipo de experiência.

A base da Hello Games no Reino Unido ainda não fez nenhuma declaração sobre esta aparente contradição, mas imagino que tem muita coisa acontecendo no estúdio nesse momento. Murray também twittou hoje com indicações de que a quantidade de pessoas que está atualmente jogando No Man´s Sky pode estar sobrecarregando seus servidores. O jogo não precisa estar online para rodar, então não iria afetar a jogabilidade regular, mas poderia potencialmente afetar recursos de rede sem os jogadores perceberem. É apenas especulação, mas há uma chance de que esses problemas implícitos de servidor sejam o motivo para não ter sido possível que estes dois jogadores vissem um ao outro.

Publicaremos aqui quando tivermos alguma atualização desse assunto sobre a possibilidade de encontrar outros jogadores em No Man´s Sky, e vamos também observar a versão de PC que foi lançada na sexta feira, 12/08/16.

Publicado originalmente no site limboreverso.blogspot.com, do mesmo tradutor.