Como são os famosos monstros dos filmes de terror sem suas máscaras

Conheça os atores que marcaram e ajudaram a definir a fama dos monstros clássicos que aterrorizam os filmes de horror.

A gente pode até conhecer a história de como o jovem Jason Voorhees se afogou em Crystal Lake antes de se erguer do lago para abater gerações de adolescentes, ou como o Xenomorfo da franquia Alien se rastejou por uma nave espacial abandonada. Ainda assim, não sabemos muito sobre os atores que atuaram nos incríveis e horrendos papéis desses monstros. É preciso muito mais para ser um monstruoso ser cinematográfico além de atacar uma linda garota com uma machete. Agora é o momento de se afastar um pouco da carnificina e olhar para as pessoas que estão por trás das máscaras de alguns dos nossos favoritos monstros dos filmes de terror.

No final do artigo, confira um video do site Looper (em inglês) com imagens desses filmes e personagens maléficos.

Pinhead Cenobite interpretado por Doug Bradley

Embora o escritor Clive Barker não tenha nomeado o líder dos Cenobites como “Pinhead” (algo como Cabeça de Prego) em seu livro The Hellbound Heart, a aparência única do personagem ganhou o apelido que levou por toda a série Hellraiser. Quando The Hellbound Heart foi adaptado para o primeiro filme de Hellraiser em 1987, o ator inglês Doug Bradley tornou-se sinônimo do coletor de almas Pinhead. Bradley faz parte de um grupo especial de atores de terror que interpretaram seus personagens assombrando pelo menos seis vezes seguidas, em uma lista que inclui Tobin Bell como Jigsaw (Jogos Mortais), Warwick Davis como Leprechaun (O Duende), Brad Dourif como Chucky (O Brinquedo Assassino), Christopher Lee como Dracula (O Vampiro da Noite) e Robert Englund como Freddy Krueger (A Hora do Pesadelo) – falaremos mais na frente sobre esse último.

Leatherface interpretado por Gunnar Hansen

O excêntrico filme de horror O Massacre da Serra Elétrica (1974), criado por Tobe Hooper, gerou todos os tipos de sequências bizarras e estranhas, mas recordamos especialmente o original graças à forma como se destacou em comparação a outros filmes do mesmo gênero na época. Em vez do monstro / assassino se infiltrar nas casas e perseguir as pessoas, as vítimas eram levadas para o covil de Leatherface. Fortemente inspirado na horrível história verdadeira de Ed Gein, Leatherface usava uma cabeça feita de pele humana (daí seu nome em inglês, que significa algo como Rosto de Couro). Sempre lembraremos de Gunnar Hansen pelo seu retrato original (e único) do papel, apesar da também marcante forma como usava a serra elétrica. Enquanto outros atores que atuaram como Leatherface vieram e se foram, Hansen definiu o padrão de como atuar corretamente como um maníaco que usa motosserra, práticas que foram repetidas por outros atores que deram vida ao personagem. Os fãs do filme B chamado A Costa do Mosquito também reconhecerão Hansen como um dos seus personagens principais – que realmente usa uma motosserra para combater os gigantescos insetos sugadores de sangue.

O Alien interpretado por Bolaji Badejo

O Alien de Ridley Scott revolucionou os gêneros de ficção científica e de terror em 1979. No início, ninguém sabia quem atuaria como o monstro titular do filme. Eventualmente, Ridley Scott foi apresentado a Bolaji Badejo, um estudante de design da Nigéria. O corpo magro e esguio de Badejo e a altura de 2,18 metros ajudariam a convencer os espectadores de que o monstro do filme não poderia ser apenas um sujeito com uma fantasia, o que muitos filmes com monstros tornavam evidente ao longo dos anos. Ele só interpretou o alienígena no primeiro filme da franquia, mas ainda assim deixou uma forte marca, especialmente porque o filme Aliens, O Resgate, de James Cameron, possuia dezenas de Xenomorfos por toda parte e as sequências posteriores usavam principalmente bonecos e CGI para renderizar seus aliens. O alien de Badejo é apenas um uniforme, mas extremamente ameaçador. Ele acabou fazendo um trabalho incrível para ajudar a vender essa ilusão, e o Xenomorfo se tornaria um dos mais inesquecíveis monstros de ficção científica de Hollywood.

O Predador interpretado por Kevin Peter Hall

Originalmente, Jean-Claude Van Damme foi chamado para atuar como o alienígena Predador no filme de mesmo nome, protagonizado por Arnold Schwarzenegger. Infelizmente, a presença de estrelas com estatura alta como Arnold e outros atores do elenco fizeram com que Van Damme parecesse muito baixo para o papel, apesar de que teria sido incrível vermos um Predador com habilidades de Muay Thai. Felizmente, tudo isso foi descartado em favor de Kevin Peter Hall, que também estrelou como o personagem principal de Um Hóspede do Barulho. Quando temos caras como Jesse “The Body” Ventura e o próprio Apollo Creed, além de Carl Weathers andando por uma selva, precisamos que nosso monstro do filme seja um gigante e não apenas “Os Músculos de Bruxelas”. Felizmente, a estatura alta Hall permitiu um Predador perfeito tanto no original de 1987 quanto na sequência de 1990, O Predador 2 – A Caçada Continua.

Michael Myers interpretado por Nick Castle

Halloween, o clássico slasher de baixo orçamento criado por John Carpenter e lançado em 1978, ajudou a abrir caminho para personagens macabros como Jason Voorhees, Freddy Krueger e Ghostface (Pânico), por conta daquela inesquecível aparência do vilão psicótico silencioso e do futuro astro da franquia, Michael Myers. Carpenter adicionou um aspecto psicológico dendo ao assassino que não tínhamos visto desde Norman Bates décadas antes, e imaginamos o local do filme, o fictício Haddonfield, em Illinois, como um subúrbio tipicamente bonito que se tornou incrivelmente assustador após o pôr do sol de 31 de outubro. Nick Castle pode ter colocado a máscara apenas no primeiro filme, mas sua ótima performance como Myers seria imitada ao longo de anos por inúmeros malfeitores do horror, incluindo alguns atores desta mesma lista. Um fato legal sobre Castle: ele co-escreveu o filme de ação distópica de Carpenter, Fuga de Nova York, ajudou a escrever a história de Hook – A Volta do Capitão Gancho, de Steven Spielberg e dirigiu uma variedade de filmes que incluem O Último Guerreiro das Estrelas e O Garoto Que Podia Voar.

Pennywise interpretado por Tim Curry

Sem querer ofender aos leitores que costumam se pintar de vermelho e branco e usar nariz de bola, mas os palhaços podem causar arrepios. É um medo relativamente comum e, para uma geração de fãs de filmes de terror, muito provavelmente pode ser atribuído à miniserie “A Coisa” (do inglês It), de 1990, feita para a TV. Com base no homônimo best-seller de horror de Stephen King, A Coisa contou a história da fictícia cidade de Derry, em Maine, e sua perseguição contínua por um ser sobrenatural que se manifesta como os piores medos de alguém que encontre “A Coisa”. Pennywise, o Palhaço Dançarino, interpretado por Tim Curry, foi a forma preferida adotada por esse espírito nefasto (sua forma real foi mais tarde revelada como uma espécie de aranha enorme ou algo assim). A essa altura de sua carreira, Curry já era conhecido por interpretar o Senhor das Trevas do filme A Lenda e o Dr. Frank-N-Furter em The Rocky Horror Picture Show (ambos de 1985). Apesar das restrições do canal ABC, a má atuação geral e a falta das melhores partes do livro terem tornado o resultado ruim, o desempenho cativante de Curry foi a graça salvadora dessa minissérie.

Jason Voorhees interpretado por Kane Hodder

Ok, a gente sabe: muitas pessoas usaram a máscara de Jason. Ele não foi mesmo o principal assassino do primeiro Sexta-Feira 13, e ele só começou a usar sua icônica máscara de hóquei no terceiro filme. Então vimos o personagem passar por mudanças dramáticas ao longo dos anos. 10 atores já atuaram como o personagem até agora, mas vamos ter que escolher Kane Hodder como o Jason Voorhees definitivo. Apesar dele ter participado da franquia apenas a partir de Sexta-Feira 13 Parte VII: A Matança Continua, o papel de Hodder ajudou a levar Jason a uma nova era de filmes slasher e fez dele a ameaça cruel e invencível que todos nós amamos e guardamos na memória. Além disso, ele teve mais experiência interpretando Jason, já que quase todos os filmes antes da Parte VII tinham um ator para cada filme. Ao usar a máscara em quatro filmes (Parte VII: A Matança Continua, Parte VIII: Jason Ataca Nova York, Jason Vai Para o Inferno: A Última Sexta-Feira, e Parte 10 – Jason X), Hodder continua a ser um campeão dos filmes de terror. Ele também atuou como Leatherface uma vez (um pouco, como dublê e coordenador de acrobacias para Leatherface – O Massacre da Serra Elétrica 3.

Freddy Krueger interpretado por Robert Englund

Agora só faltava incluir o homem dos seus sonhos nesta lista! Assim como gostamos de Jackie Earle Haley no remake A Hora do Pesadelo (2010), apenas o nome de um ator nos faz ter pesadelos: Robert Englund. Vimos Englund usar a luva por quase duas décadas, interpretando Freddy Krueger em oito filmes e até mesmo na própria série de horror antológica do personagem, A Hora do Pesadelo – O Terror de Freddy Krueger (1988 – 1990). Claro, Freddy ficou muito mais divertido e mais bobalhão com os passar dos anos, mas A Hora do Pesadelo 7: O Novo Pesadelo, de Wes Craven, foi um retorno adequado para dar forma ao slasher sobrenatural. Estamos agora ansiosos para que um dia Englund volte a usar seu chapéu fedora, o suéter listrado e sua luva com navalhas mais uma vez para uma última viagem por Elm Street.

Confira abaixo o vídeo do site Looper com imagens desses monstros e atores clássicos:

Fonte: Looper (adaptado)

Be the first to comment

Deixe uma resposta